Algoritmos a base da programação – simples e fácil

Quando entramos na área de programação a vontade é sentar na frente do computador e começar a escrever código, mas isso não é o recomendável a não ser que você seja um gênio ou a tarefa seja muito fácil. Como já mencionei no artigo 5 dicas para começar a programar ter um planejamento é muito importante.

Mas, o que é um algoritmo?

Um algoritmo é uma ROTINA, isso mesmo, uma rotina. Por exemplo:

Algoritmo para “Trocar o pneu do carro”

Trocar o pneu, exemplo de algoritmo

Trocar o pneu, exemplo de algoritmo

Pare o carro depois abra o porta-malas.

Sinalize com o triângulo, retire o pneu (estepe) e as ferramentas.

Erga o carro com o macaco hidráulico e remova os parafusos

Coloque o pneu (estepe) coloque os parafusos e desça o carro, guarde o pneu furado e as ferramentas e pronto.

De uma forma bem lúdica e simples eu lhe mostrei um exemplo de algoritmo, para a programação é a mesma coisa escrita de forma diferente. No desenvolvimento de sistemas utilizamos normalmente pseudocódigo.

Também altamente utilizado são os fluxogramas, que são muito úteis para aprimorar a lógica e em específico lógica simbolos-fluxogramacomputacional, porém os algoritmos chegam mais perto da escrita do código e assim facilita para o programador, eu recomendo conhecer tanto algoritmos quanto fluxogramas.

Fluxogramas podem ser desenhados facilmente em softwares com WORD, VISIO e muitos outros, o ALGORITMO que embora possa ser escrito até num BLOCO DE NOTAS por se tratar de pseudocódigo existe um compilador de pseudocódigo chamado VISUALG [Download].

Veja também o manual do VISUALG [Download]

Em síntese o algoritmo é uma relação de entrada > processo > saída

Glossário:

Pseudocódigo: é a escrita de linguagem de programação como se fala. É uma representação em língua nativa de palavras-chave usadas em linguagem de programação.